Com show de Luan, Grêmio vence o Cruzeiro e cola nos líderes

19540375 Atacante marcou o primeiro e fez a jogada para Douglas ampliar o placar

A vitória por 2 a 0 sobre o Cruzeiro na Arena, gols de Luan e Douglas, deixou o Grêmio a um ponto da liderança do brasileirão . Em terceiro lugar, a equipe de Roger Machado subiu para 18 pontos na tabela – atrás de Inter e Palmeiras, com 19. Na quinta-feira, pode assumir o topo da tabela se superar o Vitória em casa.

Uma névoa espessa tomou conta da Arena desde o início do jogo, prejudicando a visibilidade do gramado – tanto para a torcida, como também para a imprensa. O frio era intenso, na casa dos 6ºC, tanto que o capitão Maicon, que retornava de suspensão, apelou a um par de luvas para aquecer as mãos. Parecia até Gauchão.

O primeiro tempo começou morno. Nos quinze minutos iniciais, o jogo se resumiu à disputa de bola no meio-campo. A primeira chance do Grêmio ocorreu aos 16, em falta sofrida por Luan na intermediária. O próprio atacante tentou a cobrança em jogada ensaiada, mas a zaga do Cruzeiro afastou o perigo.

Minutos depois, o Grêmio perdeu o zagueiro Wallace Reis. Ao recuar a bola para o goleiro Marcelo Grohe em lance de ataque do adversário, o camisa 14 sentiu, sozinho, uma lesão muscular na coxa direita e desabou no gramado. Foi substituído por Bressan.

Aos 27, o Grêmio passou a se impor. Foi quando Luan avançou com a bola pela direita e tocou para Douglas, que recebeu na entrada da área, limpou a marcação e finalizou para boa defesa de Fábio. Os últimos 10 minutos foram de pressão. Aos 36, Giuliano dominou na ponta esquerda e arriscou nas mãos do goleiro do Cruzeiro. No lance seguinte, foi a vez de Everton concluir por cima. Aos 42, Luan construiu bela jogada, invadiu a área e acertou a trave esquerda do Cruzeiro — no rebote, Douglas mandou de primeira para fora. Parecia um ensaio para o primeiro gol.

E o gol não demorou a sair. Aos 44, Everton disparou pela ponta direita e cruzou na medida para Luan, que apareceu como um “verdadeiro 9” e concluiu feito centroavante, na pequena área, cabeceando com firmeza para abrir o placar.

No segundo tempo, a cerração apertou mais. Mas Luan voltou do vestiário inspirado. Aos seis minutos, construiu bela jogada na entrada da área, deixando um marcador deitado antes de arriscar ao gol. No rebote de Fábio, Douglas apareceu livre para cabecear e consolidar o 2 a 0.

Mesmo com a vantagem no placar, o Grêmio enfrentou problemas. Aos 12 minutos, perdeu, ao mesmo tempo, Geromel e Maicon por lesão muscular. Da mesma forma que Wallace Reis, os dois sentiram lesões musculares. Assim, Roger mandou Marcelo Hermes e Jaílson a campo, recuando Marcelo Oliveira para a zaga.

Aos 21 minutos, o Grêmio teve pênalti contra si – após chute de Riascos, Marcelo Oliveira bateu com o braço na bola. O uruguaio De Arrascaeta pegou a bola com confiança, mas mandou a cobrança, e a chance de reação na partida, por cima do gol de Marcelo Grohe.

Coube ao Grêmio administrar o placar até o final. Os 16 mil gremistas que enfrentaram o frio e a névoa deixaram a Arena satisfeitos.19540387

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *