Contato

Esportes

Defesa falha, e Inter leva virada do Deportivo Táchira pela Libertadores

A defesa do Inter falhou duas vezes, e um jogo que parecia encaminhado acabou em derrota. Hoje (11), o Colorado saiu na frente, mas levou a virada e perdeu por 2 a 1 para o Deportivo Táchira, no estádio Pueblo Nuevo, pela quarta rodada do grupo B da Libertadores. Thiago Galhardo fez o gol dos brasileiros. Hernández e Cova, os da equipe venezuelana. 

O resultado embola a chave. O Inter segue em primeiro, com seis pontos. Mas o Táchira agora tem a mesma pontuação. Os outros dois times do grupo, Olimpia-PAR e Always Ready-BOL, jogam quinta-feira. Os bolivianos também estão com seis e os paraguaios, com três.

O Inter volta a campo no domingo (16) para enfrentar o Grêmio no primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho. O jogo será no Beira-Rio. O Deportivo Táchira encara o Deportivo de Mérida, no sábado (15), pelo Campeonato Venezuelano.

Foi bem: Marcelo Lomba salva o Inter quando dá Marcelo Lomba fez ao menos três defesas muito complicadas, evitando gols do Deportivo Táchira. Seja com saídas ou ações fundamentais, o camisa 12 só não defendeu quando realmente foi impossível, e acabou ainda cometendo um pênalti após erro de Edenilson.

Foi mal: defesa do Inter falha duas vezes Edenilson no fim da partida, Moisés e Zé Gabriel um pouco antes. A defesa do Inter foi protagonista nos gols do Táchira. O time vermelho, que vencia, “entregou” os três pontos aos rivais.

Saravia volta a ser titular e sofre com falta de ritmo Uma das novidades na escalação de Miguel Ángel Ramírez, Saravia voltou a ser titular após mais de sete meses. Os reflexos do período distante do time em razão de uma grave lesão no joelho direito estiveram presentes em campo. Logo no início, o argentino errou uma série de passes na defesa e ainda aparentou dificuldades nas ações coletivas do time. Mas, entre acertos e erros, teve uma atuação regular ao todo.

O jogo do Deportivo Táchira: chances claras, mas pouca técnica O Deportivo Táchira se mostrou um time fraco tecnicamente, mas muito aplicado. Disputou cada lance, cada palmo de gramado, com ímpeto e força gigantescos. Mas esbarrou na falta de qualidade evidente dos jogadores. Até criou uma chance clara, utilizando a linha defensiva avançada do Inter. Mas foi desperdiçada num erro de conclusão.A defesa, de baixa estatura, perdeu a maioria dos duelos pelo alto, mas tentou de todas as formas evitar o gol do Inter. No segundo tempo, após os brasileiros abrirem o placar, o time venezuelano foi para cima e gerou várias oportunidades. Teve bola na trave, forçou Lomba a fazer grandes defesas, e foi perigoso até marcar e seguiu empenhado até virar.

O jogo do Inter: domínio do jogo, mas recuo no segundo tempo O Inter dominou o jogo e até criou boas chances de gol. No primeiro tempo, foram três oportunidades de conclusão. Equívocos no último terço do campo impediram produtividade maior. Mas a equipe de Ramírez foi dominante durante toda partida, sofreu pouco e esteve sempre próxima de marcar. As alterações propostas pelo comandante, porém, não surtiram efeito positivo. Yuri Alberto e Galhardo juntos foi a opção de melhor rendimento.Marcos Guilherme pela direita não conseguiu vitória pessoal, e Saravia ainda mostrou falta de ritmo. Nonato teve rendimento apenas regular. No segundo tempo, o Colorado marcou cedo, mas recuou muito e passou a sofrer constante ameaça. Tanto foi que levou o empate e a virada.

FICHA TÉCNICA DEPORTIVO TÁCHIRA 2 X 1 INTERNACIONAL

Data: 11/05/2021 (terça-feira)

Local: estádio Pueblo Nuevo, em San Cristóbal, Venezuela

Árbitro: Wilmar Roldán

Auxiliares: Miguel Roldán e Richard Ortiz

Cartões amarelos: Gómes, Camacho, Granados, Covea, Vivas (TAC); Dourado, Saravia, Galhardo (INT)

Gols: Thiago Galhardo, do Inter, aos 6 minutos do segundo tempo; Hernández, do Deportivo Táchira, aos 31 minutos do segundo tempo; Cova, do Táchira, aos 40 minutos do segundo tempo;

Deportivo Táchira Varela; Camacho, Vivas, Trejo e Granados; Cova, Flores, Covea (Velasco) e Góndola (Zalzman); Lucas Gómez (Angarita) e Edgar Pérez Greco (Hernández).

Técnico: Juan Tolisano.

Inter: Marcelo Lomba; Saravia (Rodinei), Zé Gabriel, Cuesta e Moisés; Dourado (Lindoso), Nonato (Praxedes) e Taison (Edenilson); Yuri Alberto, Marcos Guilherme (Mauricio) e Galhardo.

Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Esportes

Grêmio cita altitude e prevê “confronto duríssimo” contra a LDU

O Grêmio prevê dificuldades nos jogos contra a LDU, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Logo após o sorteio que colocou os equatorianos no caminho tricolor, o presidente Romildo Bolzan Júnior citou como principais dificuldades a altitude de 2,8 mil metros de Quito e a qualidade do adversário, que ficou em terceiro lugar no Grupo G da Libertadores, atrás de Flamengo e Vélez Sarsfield-ARG. 

— É um adversário difícil, duro, tradicional, que joga na altitude e que inspira muitos cuidados. Vamos ter um confronto duríssimo e, se passarmos (para as quartas de final), teremos outro confronto duríssimo. O caminho da Sul-Americana é muito difícil, e o Grêmio terá que tomar muitos cuidados para chegar a uma situação de disputa — declarou Romildo. 

O vice de futebol Marcos Herrmann também sublinhou as dificuldades da altitude de Quito.

— Como sempre, os embates com a LDU são duros. Não será diferente agora, quando mais uma vez vamos ter de encará-los na altura de Quito. Vai ser um bom confronto — completou. 

Conforme estabelecido pela Conmebol, o jogo de ida, na semana de 14 de julho, será no Equador, enquanto a partida de volta ocorrerá na semana de 21 de julho, na Arena. Caso avance para as quartas de final, o Tricolor aguardará o vencedor do confronto América de Cali X Athletico-PR. 

Treinada pelo uruguaio Pablo Repetto, a LDU foi uma das melhores terceiras colocadas na fase de grupos da Copa Libertadores, com duas vitórias, dois empates e duas derrotas, totalizando oito pontos. No Grupo G, acabou superada por Flamengo e Vélez Sarsfield, ficando à frente apenas do Union La Calera-CHI. No Campeonato Equatoriano, a equipe de Quito está em sétimo lugar. 

A LDU conquistou a Copa Sul-Americana em 2009, quando era comandada pelo uruguaio Jorge Fossati e tinha como destaque o atacante Miller Bolaños, que viria a jogar no Grêmio em 2016.

Fonte: GZH
 

Continue lendo

Esportes

Inter reencontrará o Olimpia nas oitavas de final da Libertadores

Em sorteio realizado na tarde desta terça-feira (1º), o Inter conheceu o seu adversário nas oitavas de final da Libertadores: será o Olimpia, do Paraguai, que já foi seu rival na fase de grupos. A cerimônia, realizada na sede da Conmebol, no Paraguai, ainda definiu o chaveamento dos mata-matas até a decisão do torneio continental.

Na fase anterior, o Colorado venceu os paraguaios tanto no Beira-Rio, goleando por 6 a 1, como em Assunção, por 1 a 0. Como foi líder do Grupo B, o time de Miguel Ángel Ramírez terá a vantagem de decidir o confronto em Porto Alegre.

As datas e horários das partidas ainda não foram anunciadas, mas o calendário prevê que elas serão realizadas entre 13 e 22 de julho.
Se avançar às quartas de final, o Inter enfrentará o vencedor do confronto entre Flamengo e Defensa y Justicia.

Confira os cruzamentos das oitavas de final:

Defensa y Justicia x Flamengo
Boca Juniors x Atlético-MG
Universidad Católica x Palmeiras
Cerro Porteño x Fluminense
Vélez Sarsfield x Barcelona de Guayaquil
São Paulo x Racing-ARG
River Plate x Argentinos Juniors
Olimpia x Inter

*os clubes da direita decidem em casa

Fonte: ZH

 
Continue lendo

Esportes

Grêmio vence Inter e é Tetra do Gauchão

O Grêmio conquistou o Tetracampeonato do Campeonato Gaúcho 2021, em cima do rival Internacional, neste domingo, 23, na Arena.
 
A conquista teve início no domingo, 16, quando o Grêmio venceu o Inter por 2 a 1 no Beira-Rio e, neste domingo bastou o empate para confirmar o título. Os gols de hoje foram de Ferreira e Rodrigo Dourado.
 
Além do Tetra, a vitória é o 40º título do Grêmio no Campeonato Gaúcho. 
 
Continue lendo

Popular