Contato

Corona Vírus

Distribuição para o interior do Estado inicia nesta terça-feira

A Secretaria da Saúde (SES) prepara para esta terça-feira (19/1) o envio das doses da vacina contra a Covid-19 para todos os municípios do Estado. Um lote de 341,8 mil unidades deverá ser recebido ainda nesta segunda-feira (18/1), fabricadas pelo Instituto Butantan e distribuídas pelo Ministério da Saúde.

Após a separação por regional, por critérios populacionais, as doses serão despachadas para a capital e para as 18 Coordenadorias Regionais de Saúde (CRS).
Inicialmente, o público a ser vacinado são os profissionais de saúde da linha de frente em hospitais, Atenção Básica e rede de urgência e emergência, pessoas acima de 60 anos que vivem em Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPI) e população indígenas aldeadas.

Serão encaminhadas nesta terça (19) 170,8 mil doses aos municípios, aproximadamente a metade do recebido. A quantidade remanescente fica reservada para o posterior envio destinado à segunda dose desse público, prevista para aplicação entre duas e quatro semanas após a primeira aplicação. O envio – a partir de Porto Alegre – será realizado por via terrestre e aérea, com o apoio da frota de aviões da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Ainda nesta terça (19) serão definidas as quantidades por município, após o trabalho nas coordenadorias de separar as caixas para cada cidade, seguindo os critérios populacionais dos grupos prioritários.

Entre o público destinado para o início da campanha, 138 mil doses são destinadas aos trabalhadores da saúde. Isso representa 34% estimado para esse grupo no Estado. Por isso, a orientação é que sejam vacinados aqueles que lidam de forma mais direta com pessoas com a Covid-19, em hospitais, Samu e na Atenção Básica.

De acordo com o recebimento de doses, os demais integrantes da área da saúde serão gradativamente incluídos. No total, o público de trabalhadores do setor da saúde estimado é de 400 mil pessoas no RS.

Outras 9,8 mil doses estão previstas para as pessoas 60 anos ou mais institucionalizadas, deficientes institucionalizados e trabalhadores de Instituições de Longa Permanência de Idosos. Para a comunidade indígena que vive em aldeias, são mais 14 mil doses destinadas.

Local de destino e número doses a serem enviadas nesta terça (19):

Porto Alegre: 51.600
1ª CRS (sede Porto Alegre – 65 municípios): 26.000
2ª CRS (sede Frederico Westphalen – 26 municípios): 4.360
3ª CRS (sede Pelotas – 22 municípios): 12.400
4ª CRS (sede Santa Maria – 32 municípios): 8.400
5ª CRS (sede Caxias do Sul – 49 municípios): 14.000
6ª CRS (sede Passo Fundo – 62 municípios): 10.200
7ª CRS (sede Bagé – 6 municípios): 1.760
8ª CRS (sede Cachoeira do Sul – 12 municípios): 2.720
9ª CRS (sede Cruz Alta – 13 municípios): 1.920
10ª CRS (sede Alegrete – 11 municípios): 4.000
11ª CRS (sede Erechim – 33 municípios): 5.360
12ª CRS (sede Santo Ângelo – 24 municípios): 3.560
13ª CRS (sede Santa Cruz do Sul – 13 municípios): 4.400
14ª CRS (sede Santa Rosa – 22 municípios): 2.360
15ª CRS (sede Palmeira das Missões – 26 municípios): 6.040
16ª CRS (sede Lajeado – 37 municípios): 4.240
17ª CRS (sede Ijuí – 20 municípios): 3.200
18ª CRS (sede Osório – 23 municípios): 4.280

Texto: Ascom SES
Edição: Secom

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Corona Vírus

Um óbito registrado nesta quinta feira

Nesta quinta-feira (13) foram registrados 31 casos positivos, 21 mulheres e 10 homens, com idades entre 01 ano e 78 anos. Também foram registrados 16 recuperados. Hoje foi registrado o óbito de um homem de 45 anos.
Há 10 pacientes na UTI Covid, sendo 08 confirmados.
No Hospital de Campanha há 14 pacientes, 08 confirmados. A UTI Covid possui 15 leitos, dessa forma há 05 leitos disponíveis.
No Hospital de Campanha há 16 leitos disponíveis. Na UTI não-covid há 08 leitos, os 08 estão ocupados.
Atualmente são 9.635 casos confirmados, com 9.254 recuperados, 165 ativos (150 estão ativos em isolamento domiciliar e 15 hospitalizados positivos de Alegrete) e 216 óbitos.
Foram realizados 30.330 testes, sendo 20.506 negativos, 9.635 positivos e 169 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 719 pessoas.
Continue lendo

Corona Vírus

Dias mais estáveis. Um óbito nesta quarta-feira

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Nesta quarta-feira (12) foram registrados 29 casos positivos, 12 mulheres e 17 homens, com idades entre 17 e 68 anos. Também foram registrados 11 recuperados. Hoje foi registrado o óbito de uma mulher de 62 anos.

Há 09 pacientes na UTI Covid, sendo 06 confirmados. No Hospital de Campanha há 12 pacientes, 07 confirmados. A UTI Covid possui 15 leitos, dessa forma há 06 leitos disponíveis. No Hospital de Campanha há 18 leitos disponíveis. Na UTI não-covid há 08 leitos, os 08 estão ocupados.

Atualmente são 9.604 casos confirmados, com 9.238 recuperados, 151 ativos (141 estão ativos em isolamento domiciliar e 10 hospitalizados positivos de Alegrete) e 215 óbitos.

Foram realizados 30.174 testes, sendo 20.445 negativos, 9.604 positivos e 125 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 621 pessoas.

Continue lendo

Corona Vírus

Pessoas com 33 anos ou mais com comorbidades receberão vacina nesta quinta feira

Bom dia! Ampliamos a faixa etária para aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 para pessoas com comorbidades, passando a imunizar a partir desta quinta-feira, 13, a partir da 8h, pessoas com 33 anos ou mais.
A vacinação ocorre em todas as UBSs com sala de vacinação.
Não haverá drive thru.
Pessoas com as seguintes comorbidades podem se vacinar:
– Diabetes
– Pneumopatias crônicas graves (ex.: asma)
– Hipertensão arterial
– Doenças cardiovasculares (ex.: insuficiência cardíaca, hipertensão pulmonar, síndromes coronarianas, arritmias cardíacas, cardiopatias congênitas, dispositivos cardíacos implantados)
– Doença cerebrovascular (ex.: AVC)
– Doença renal crônica
– Imunossuprimidos (ex.: transplantados, pessoas com HIV, pacientes oncológicos)
– Hemoglobinopatias graves
– Obesidade mórbida
– Cirrose Hepática
A imunização continua para pessoas com deficiência cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), pessoas com Síndrome de Down, pessoas com 60 anos ou mais, profissionais de saúde, trabalhadores de apoio aos serviços de saúde acima de 18 anos que ainda não receberam a primeira dose da vacina e pessoas com HIV/Aids.
Gestantes e puérperas – Em virtude de nota divulgada pela Anvisa sugerindo que deve ser evitada a vacinação de gestantes com a vacina Astrazeneca/Oxford, a SMS suspendeu a imunização de gestantes e puérperas com esta vacina até segunda ordem.
Documentos:
No momento da vacinação, é necessário apresentar documento de identidade com foto. Pessoas com comorbidades devem apresentar ainda original e cópia de um dos seguintes documentos: laudo médico, atestado, prescrição de medicamento ou exame.
Continue lendo

Ler edição online

Facebook

Previsão do tempo

 

 

Popular