Contato

Política

Deputado Estadual T.Cel Zucco comenta sobre Cemitério de Obras Publicas

Corrupção e impunidade estão na raiz do desperdício e consequente escassez de recursos para os investimentos em saúde, educação e segurança. A execução de obras públicas tem sido vetor importante no fenômeno que consagrou o Brasil como “imenso cemitério de obras”. Em 2019, o Tribunal de Contas da União fiscalizou mais de 30 mil construções públicas. Deste inventário, 30% foram consideradas paralisadas, com prejuízos de bilhões. Diante desta situação protocolei projeto que institui o Sistema de Controle de Obras Públicas do RS (SICODP-RS).
O objetivo da iniciativa é viabilizar a fiscalização de qualquer cidadão das obras públicas com a publicação de todos os detalhes técnicos e financeiros.

O projeto prevê que cada obra terá uma página na internet contendo cópia do edital de licitação, início/final e prazo da obra, órgão e fiscal responsável, valor total, pagamentos, cronograma de execução com atualizações, etapa a realizar, medições e fotos, entre outras informações.
Recentemente a Controladoria-Geral da União divulgou a Escala Brasil Transparente/Avaliação 360° que apontou, no caso do RS, deficiências de transparência por não disponibilizar informações suficientes. Nosso projeto pretende, ainda, estimular os gaúchos a acompanhar a aplicação do dinheiro arrecadado através dos impostos. Às vésperas da reforma tributária acredito que há espaço para aperfeiçoar instrumentos de controle para melhorar a aplicação dos recursos públicos.


No ano passado o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) inventariou 89 obras municipais e estaduais paralisadas que consumiram R$ 300 milhões. São recursos que faltam para o combate à pandemia, reforço na segurança pública e melhorias na educação. Transparência não é favor. É obrigação de todo gestor público.
O mandato eletivo exige legislar e fiscalizar. Por isso elaboramos o projeto. É inadmissível compactuar com desvios e malversação de dinheiro de todos nós. Escoadouro de bilhões a cada ano, a execução de obras públicas deve atender a função social de melhorar a qualidade de vida do cidadão. Por isso, todos devem ser exercer o dever da fiscalização. Mas para isso necessitamos de instrumentos tecnológicos que permitam acompanhar a execução de todas as etapas – do edital de licitação à inauguração.
Nosso projeto foi aprovado por todas as comissões técnicas da Assembleia Legislativa. Em breve será apreciado e votado no plenário. Acredito que os parlamentares a os gaúchos serão parceiros para estabelecer novos parâmetros de transparência no Rio Grande do Sul.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Política

Em 2021 apenas seis vereadores desta legislatura retornarão

Uma composição da Câmara de Vereadores com apenas seis vereadores remanescentes da atual legislatura, sem o PSDB, mas com a ascenção do Republicanos.

O PP aumentou um vereador, o PDT manteve quatro, o MDB ganhou uma cadeira, o PT perdeu uma. Este é o novo normal de 2021 do Legislativo.

O PP vai perdendo a identificação como partido da elite conservadora e fica mais heterogêneo, necessitando do controverso videomaker Bocão para assegurar três doutos e dois líderes evangélicos.

O PT fica com sua voz mais radical, O vereador Anilton Oliveira.

O MDB na levada boina e bombacha do Prefeito Márcio Amaral consolidou o nome do vereador tradicionalista Cléo Trindade e ainda elegeu João Leivas com tradição dentro da sigla e que tem sua base na Vila Nova. Com eles Vagner Fan, que há anos vem militando um diferentes grupos comunitários e agora emplacou.

O PDT reelegeu 50% dos atuais. Fernina(Fuca) e Moisés Fontoura, atual Presidente do Legislativo. Manteve o número de cadeiras com a eleição de Éder Fioravante e a veterinária Dileusa Alves, ligada à causa animal.

Para a estréia histórica na Câmara está no Republicanos o pastor Jaime, ou Jaime do Gás. Por duas vezes ficara de suplente e agora garantiu uma vaga.

Da atual conposição cinco não retornariam. Rudi Pinto concorreu como vice de Jetter Souza, Maria do Horto concorreu à Prefeita pelo PT, Nívia não enfrentou o MDB para concorrer, depois da convenção em que perdeu para Jesse Trindade à condição de vice de Márcio, e as vereadoras Leoni Caldeira e Mirian Suhre, que abriram mão de disputar uma vaga novamente.

 

 

Os primeiros suplentes temos o atual vereador Paulo Berquó, o ex vereador Róger Severo e a líder rural a empresária Fátima Marchezan.

Lista completa…clique aqui…

https://resultados.tse.jus.br/oficial/#/eleicao;e=e426;uf=rs;mu=85073/resultados/cargo/13

 

 

Continue lendo

Política

Urnas consagram Márcio e o MDB vai completar 16 anos no poder municipal

 

Até a meia noite houve bombas, bandeiraços e famílias inteiras, crianças, idosos e adultos mais jovens, na Praça Getúlio Vargas comemorando a vitória do Prefeito Márcio Amaral. 

Afinal, a reeleição foi soberana com 16.038 votos, com 43,22% dos votos válidos de Alegrete. Foi nesta média desde as primeiras urnas escrutinadas. Mesmo com os problemas ocorridos no sistema de inteligência artificial do TSE, ainda cedo a Rádio Minuano FM, adiantou-se e totalizou os números.

 

Todas as pesquisas feitas internamente pelas coordenações das campanhas eleitorais mostravam Márcio Amaral liderança, praticamente no mesmo patamar. Jetter Souza, o segundo colocado emplacou 33,46% da preferência com 12.415 votos.

Em terceiro lugar ficou a candidata do PT, Maria do Horto Salbego, que teve o seguinte desempenho: 18,06% 6.702 votos.

Em último lugar, foi a candidata do PRTB, Vânia Guerra, alinhada ao vice Presidente General Augusto Mourão, 5,25%

1.949 votos. Fez menos votos que o vereador mais votado, Fábio Pérez, o Bocão, com 2.249.
 
Quando soube que a eleição era irreversível o MDB fez um grande ato, com um caminhão de som, no Parque dos Patinhos. A aglomeração reuniu dezenas de militantes, Secretários Municipais e CCs da Prefeitura. O reeleito Márcio Amaral, agradeceu o apoio e para a Minuano FM disse que se manteve leal ao acordo com o PP que saltou fora da coligação, mas que pretendia agora realinhar as forças políticas em favor de Alegrete.
 
 
O MDB entrou em 2008 com Erasmo Silva, que governou duas vezes, depois se coligou com o PP, e com a morte da Prefeitura Cleni Paz, PP, assumiu a Prefeitura com Márcio Amaral, e agora governará mais quatro anos.
 
Na trajetória até a vitória Márcio destronou a vereadora Nivia Souza na convenção, o ex Secretário Jesse Trindade foi alçado à vice, e então passou a pontuar a infelidade do PP em não cumprir acordos e logo a seguir vieram as inaugurações de asfaltos da cidade.
 
Conseguiu fazer a gestão da epidemia com margem maior de acertos do que erros e chegou ao pleito com a pecha de que em time que está ganhando não se mexe.
 
 
No debate de quinta-feira, ajudou a reforçar este conceito. No palco montado pelo CEA e Rádio Nativa, colocou seu adversário Jetter Souza em situação embaraçosa, ao perguntar sobre índices do CAGED ( sigla que mede o nível de emprego e desemprego no município) e seu adversário gastou 3.45 minutos falando sobre o que não conhecia. Na réplica Márcio falou sobre o índice. Este ponto foi determinante para assegurar dois estilos de candidatos e posicionamento de campanha no imaginário dos alegretenses.
 
Continue lendo

Política

Corrigido.Fenômeno eleitoral de Alegrete, o Bocão, gastou só R$ 360,00

 

Fábio Péres, o Bocão, é o mais novo fenômeno eleitoral de Alegrete. É um recordista de votos e quebrou qualquer futurologista sobre as eleições. Fez 2.249 votos pelo PP.

Numa sigla em que havia uma tradição de eleger a elite alegretense, este influenciador digital rompeu todos os estereótipos e modelos pré-definidos. Polêmico, caricato, impulsivo, pobre e extremamente carismático mostrou que em tempos de redes sociais ” estar fora da casinha”, ser muito diferente, ter personalidade na frente do vídeo e ser verdadeiro pode mudar uma história.

Bocão caiu no gosto do público. É um videomaker que surpreende. Ao mesmo tempo em que tem um instinto apurado para o que gera notícia e seguidores, ele se comunica numa frequência muito particular com os segmentos mais populares entre os internautas.

 

Deitou em poças dágua, viajou de Rosário do Sul à Alegrete, quase 100 km, numa bikelete. Perseguiu pelas ruas da cidade um pastor que vendia terreno no céu. Enquadrou assassinos com insultos. Já transmitiu flagrantes de adultérios, pediu ajuda à Polícia em lives quando se viu ameaçado de morte por desafetos, suplicou ajuda aos internautas para levar o que comer para sua família e caminhou quilômetros pela cidade com um radio à tiracolo com seu jingle de campanha. 

Este é um pequeníssimo resumo de um surpreendente fenômeno eleitoral, que não tem papas na língua, e que agora vai sentar numa das cadeiras do legislativo e ficar na alça de mira de seus detratores; inclusive lá de dentro. O perfil de fio desencapado suscitou ódio de vereadores e funcionários nestes últimos anos.

Agora retorna com mais de 2.200 votos. É, também, algo inimaginável para vereadores de Rosário do Sul, em que ele fez ataques tão virulentos que mereceu destaque estadual na RBS TV. Ou em Livramento, onde foi vítima de agressão, por um assessor parlamentar anos atrás, pela cobrança de informações de denúncias contra o patrão do agressor.

Em enttevista ao Canal Em Questão agradeceu o apoio dos eleitores, ao candidato à Prefeito do Progressista, Jetter Souza pela garantia de sua candidatura, e desejou um governo iluminado ao Prefeito Márcio Amaral.

“Sou vereador de oposição, mas o que for para o bem das pessoas e da cidade vou apoiar. Vou cumprir as decisões do partido, mas o meu mandato é do povo, ele é a quem devo seguir”.

Também lembrou que sábado por não ter carro, por não poder participar da mega carreata do PP, ficou distribuindo seus santinhos nas paradas de ônibus.

Abatido voltou para o extremo da zona leste, onde disse que orou toda a noite à Deus pedindo sua intercessão e ajuda. “Gastei uns R$ 260,00 que faltou na minha casa. Mas eu tenho a minha mulher e o Boquinha ao meu lado e isto é mais que tudo”, desabafou.

Lista completa dos candidatos e suas votações.

https://resultados.tse.jus.br/oficial/#/eleicao;e=e426;uf=rs;mu=85073/resultados/cargo/13

https://resultados.tse.jus.br/oficial/#/eleicao;e=e426;uf=rs;mu=85073/resultados/cargo/13

 

Continue lendo

Ler edição online

Facebook

Previsão do tempo

 

 

Popular