Contato
imagem

Manchete

Ministério Público pede suspensão do uso de inseticida responsável por mortandade de abelhas no estado

A Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente de Porto Alegre encaminhou nesta quarta-feira, 14, pedido para que o Governo do Estado avalie a possibilidade de restrição do uso do inseticida Fipronil, na modalidade foliar, no RS, através da suspensão provisória do registro do produto no Cadastro Estadual de Registro de Agrotóxicos.

O ofício, encaminhado à Fepam e às Secretarias da Agricultura Pecuária e Desenvolvimento Rural e de Meio Ambiente e Infraestrutura, foi expedido no âmbito do inquérito civil instaurado para apurar as causas da mortandade de abelhas no estado. O IC apurou que coletas feitas em 32 municípios gaúchos mostraram que em torno de 400 milhões de abelhas morreram no RS entre outubro do ano passado e março deste ano.

Conforme o promotor de Justiça Alexandre Saltz, em junho deste ano, o MP propôs que as empresas produtoras do inseticida suspendessem voluntariamente a comercialização da modalidade foliar do produto, a exemplo da Basf. Apenas a Nufarm concordou. “O fato é significativo porque, mesmo que outras tantas não concordassem com a proposição ancorada apenas na questão de que o princípio ativo possui registro, duas das maiores produtoras reconhecem, especificamente pela mortandade de abelhas, os danos que a versão foliar do Fipronil representa”, destacou Saltz no pedido de suspensão. “Impõe-se avançar na limitação da sua comercialização e uso, especialmente às vésperas do início da safra”, ressaltou ele.

No pedido, o MP lembra que há outras formas de uso do inseticida em questão, além de outros tantos princípios ativos com finalidade idêntica que não apresentam risco à produção agrícola. “A necessidade é de prevenir novos danos ambientais irrecuperáveis derivados da aplicação do produto nesta modalidade”, disse.

fonte: https://www.mprs.mp.br/

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Cidade

Servidores Municipais divulgam edital de convocação de Assembleia Geral Extraordinária

A mais de dois messes, um grupo de servidores municipais vem se preparando para formar uma chapa e disputar a Presidência do sindicato da categoria.

O grupo alega que o sindicato não está mais atuante e não resolve mais questões em relação aos servidores, além de estar envolvido em decisões políticas, tirando o foco da organização e não dá espaço para que novas chapas se inscrevam tendo em vista o espaço  de tempo previsto no edital de inscrição.

“Achamos que o processo eleitoral deve ser mais amplo e muito mais divulgado, para que todos os servidores associados possam ter acesso a todas as informações do edital.” nos escreveu por mensagem  um dos servidores.

Segundo relatos, o edital teria sido colocado na porte do sindicato, que compartilha sua sede com outra associação, por volta das 8 horas da manhã e retirado logo após o meio dia no 20 de agosto, favorecendo assim a chapa da atual Diretoria.

Já o atual presidente, Angelo Tertuliano, informou que o edital foi lançado de acordo com o Artigo 22 inciso 2º do Estatuto do Sindicato, que  de acordo com o Estatuto, a divulgação pode ser feita na sede do próprio Sindicato.

Confira o edital afixado na porta do Sindicato dos Municipários de Alegrete

“Nunca fizemos do sindicato, um braço politico, tratamos todo o processo de convocação, dentro dos prazos e clareza que prevê o estatuto , é um direito dos que estão descontentes, buscarem seus direitos na justiça” comentou o atual presidente do sindicato dos servidores municipais.

O grupo de municipário em reunião, decidiram convocar uma nova Assembléia Geral, que você pode conferir o texto na integra abaixo.

 

Continue lendo

Manchete

PRF prende homem procurado pela justiça em Uruguaiana

Ele estava sendo procurado por estupro de vulnerável

Na noite desta terça-feira (15), na BR 290, em Uruguaiana, a Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem que estava sendo procurado pela justiça por estupro de vulnerável.

Durante uma ação de combate à criminalidade na saída de Uruguaiana, agentes da PRF abordaram um Polo prata com placas de Salvador do Sul. Ao realizarem a consulta aos sistemas, descobriram que o condutor estava sendo procurado pela justiça. Havia um mandado de prisão preventiva devido a um estupro de vulnerável ocorrido em Brochier.

O homem de 42 anos, morador de São Francisco de Assis, foi encaminhado à área judiciária e posteriormente ao presídio.

Foto: Ilustrativa/PRF

Continue lendo

Cidade

Novas Tarifas do Rotativo entram em vigor na próxima Segunda Feira

 

Conforme o decreto Nº 657, de 15 de Setembro, assinado pelo Prefeito Marcio Amaral e o Sec. de Administração Rui Alexandre Pereira, fica autorizado o reajuste dos valores descritos na lei nº 4.872/2011 cobrados pela concessionária responsável pelo Estacionamento Rotativo pago ao Município de Alegrete conforme a seguir especificado:

Passa a custar R$ 0,80 por meia Hora

Passa a custar R$ 1,60 por uma Hora

Passa a custar R$ 2,40 por uma hora e meia

Passa a custar R$ 3,20  por duas horas

Atualmente os valores são os seguintes:

R$ 0,75 meia hora
R$ 1,50 1 hora
R$ 2,25 1 hora meia
R$ 3,00 2 horas

O decreto entrou em vigor no dia 15 deste mês, e a partir do dia 21, próxima segunda feira começam a ser cobrado dos motoristas que estacionarem nos espaços administrados pelo Rotativo

Continue lendo

Popular