Contato

Polícia

Enquete: Você concorda com a exoneração dos diretores?

Nesta semana, a Prefeita Cleni Paz da Silva e o Vice-prefeito Márcio Fonseca do Amaral, tomaram decisões que envolvem a reforma administrativa do governo.

Os ajustes estão sendo feitos diante da situação econômica que vive o país o que afeta diretamente os municípios, e em Alegrete não é diferente, que depende de recursos vinculados tanto do governo federal como estadual.

Na última segunda-feira, a Chefe do Executivo anunciou aos diretores gerais a exoneração no final do mês de março. No início do ano foi criada uma comissão para fazer um estudo criterioso de aglutinação de algumas secretarias que , em breve irá para apreciação do Legislativo Municipal. Com as fusões e extinções de secretarias haverá demissão de Cargos em Comissão e retirada de FGs.

“ Diante da situação, achamos necessário tomarmos medidas mais austeras, como é de conhecimento de todos. Editamos um Decreto de contenção de despesas e já havíamos dito que ocorreriam algumas demissões para enxugamento da máquina pública. Oportuno dizer que não estamos extinguindo os cargos e que ninguém será demitido por incompetência, é simplesmente por contenção de despesas. Estamos com os salários em dia, bem como os fornecedores e serviços”.

A Prefeita disse ainda que não foi possível adquirir financiamento de 4 milhões do Badesul porque em 2015 o índice de pessoal estava acima do limite legal. “ Este dado está nos prejudicando agora. Desta forma, além de economizar estamos procurando não extrapolar o índice de pessoal, que já está alto. Com a aglutinação de secretarias, com certeza haverá mais demissões. No entanto, também estamos estudando medidas de aumento de receita” conclui a Chefe do Executivo.

O que você acha desta decisão? Deixe registrada aqui a sua opinião. Vote em nossa enquete:

 

[poll id=”4″]

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Polícia

Racismo em Alegrete. Idosa é gravada xingando com injúria racial

O toque de recolher expõe uma nova face. Uma cena repugnante de racismo na noite deste domingo no centro de Alegrete.

Duas adolescentes sofreram injúria racial quando se dirigiam do centro da cidade em direção ao bairro Vila Nova quando foram xingadas e ofendidas por uma moradora.

Segundo o B.O, a autora da denúncia estava acompanhada com a amiga, quando começaram a ser ofendidas aos gritos pela mulher. Ela xingou porque estavam na rua além das 21hs e foram chamadas de negras vagabundas.

Então a vítima ligou o celular e a autora das ofensas seguiu gritando e fazendo gestos pejorativos relativos à cor da pele das duas mulheres negras. 

No mesmo instante às vítimas se dirigiram à DPPA e registraran o B.O. o Delegado plantonista, Maurício Arruda Coronel, garantiu ao EQ que nesta segunda-feira vai instaurar o inquérito e as imagens já estão em posse da Policia Civil.

Continue lendo

Polícia

PRF prende homem procurado pela justiça dentro de ônibus em Alegrete

 

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, no início da noite deste sábado (21), um homem procurado pela justiça. O fato ocorreu na BR 290, em Alegrete.

Durante ações de policiamento, agentes da PRF abordaram um ônibus que saía de Alegrete e ia para Farroupilha. Dentro dele estavam lojistas que iam fazer compras na serra gaúcha.

Ao verificar a documentação dos passageiros, a equipe policial constatou que um deles, um homem de 47 anos, natural de Entre-Ijuí e residente em Uruguaiana, possuía um mandado de prisão cível pelo não pagamento de pensão alimentícia expedido pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul

Ele foi preso e encaminhado à polícia judiciária local para registro da ocorrência.

Continue lendo

Manchete

Vídeo-Um recém-nascido de cinco dias foi salvo por bombeiro em Alegrete

Recém-nascido de cinco dias foi levado pelo pai ao Quartel da guarnição de Bombeiros da cidade por volta das 21h e 20min do dia 20/11.

A menininha estava com asfixia por leite materno e foi socorrida logo no estacionamento da corporação pelo único soldado que estava de plantão. (assista ao vídeo)

O soldado efetuou o procedimento padrão para esses casos e conseguiu desobstruir as vias aéreas do bebê.

Um dos homens que aparece nas imagens (com a mão na cabeça) é o pai da criança, Leandro.

O outro homem e a mulher estavam passando na rua onde o casal mora, quando foram abordados pela mãe da criança. Na hora, toparam levar a pequena Júlia e o pai dela, Leandro, para o quartel dos  Bombeiros.

O  Bombeiros Josué Martins dois anos de farda conta que é a primeira vez que ele atuou numa situação assim.

Imagens: Jewison Cabral/RBS TV

Continue lendo

Popular