Contato

Educação

Unipampa tem vaga para professor de Inglês em Alegrete

O programa Idioma sem Fronteiras (IsF) da Universidade Federal do Pampa (Unipampa)oferece vaga para professor de inglês em Alegrete.  As inscrições podem ser feitas até o dia 2 de julho enviando a documentação solicitada no Edital nº 232/2018 para do email do programa: [email protected]com.

A seleção ocorrerá no Campus Alegrete no dia 13 de julho.  Os candidatos interessados devem ser alunos ou graduados em Letras – Inglês, não ter carteira assinada e possuir fluência no idioma, a ser comprovada posteriormente com teste de TOEFL ITP aplicado pela Universidade. O professor selecionado deverá cumprir a carga horária semanal de 12 horas em sala de aula e 3 horas de tutoria, acompanhado de uma reunião pedagógica, também semanal. O candidato receberá remuneração mensal de R$1.500 proveniente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). O contrato tem duração prevista de um ano com a possibilidade de renovação do contrato para mais um ano.

O IsF é um programa da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Eduação (SESu- MEC) e da Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal da Educação Superior (CAPES) que visa capacitar os estudantes e professores universitários para os exames de proficiência exigidos pelas universidades estrangeiras e para a experiência sócio-linguística-cultural no processo de internacionalização. Na Unipampa, as línguas ensinadas são inglês, espanhol, francês e português para estrangeiros nos campi Alegrete, Bagé, Santana do Livramento, São Gabriel e Uruguaiana.

 

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Educação

PampaTec e Sebrae premiam projetos inovadores

A Final o Desafio de Negócios Inovadores 2020, evento anual organizado pela equipe do PampaTec desde 2013, ocorreu dia 24/11, com a escolha dos projetos que mais se destacaram durante a fase de capacitação do programa.

Neste ano, essa fase foi desenvolvida em parceria com o Sebrae RS, através da sua unidade na região do Pampa com a aplicação do “Startup RS Start”, uma qualificação para pessoas que desejam iniciar uma Startup, realizada em 8 workshops abordando temas como “Construção de Times”, “Marketing Digital”, “Teste de Produto” e “Validação de Mercado”, que ocorreram 100% online, semanalmente, desde 10/09 e culminaram com a banca de avaliação no dia 24/11.

Nesse dia 13 projetos de empresas baseadas em inovação e tecnologia apresentaram suas soluções para problemas daqui e do mundo. Abaixo a lista com os nomes dos projetos e o representante do Time que fez o pitch:

1 – Agendei Quadras – Peterson Rodrigues

2 – Aquafish – Nathália Veronezi

3 – Capataz – Ivo Wagner

4 – Conectadas – Paulo Henrique Brum

5 – GeraSul – Alejandro Javier

6 – Innovative – Vitor Gonçalves

7 – MedBe – Silvio Quincozes

8 – MUV – Vinícus R. Viera

9 – Natupampa – Tatiana Machado

10 – Pecuária na mão – Rogério Jaworski dos Santos

11 – Pellets del Norte – Rafael Soares

12 – Safe Kids – Alex Tomas de Assis

13 – Turismo Inteligente – Elisabeth Cristina Drumm

O membros da banca utilizaram os critérios de Inovação, Modelo de Negócio, Mercado e Equipe para escolherem os projetos que mais se destacaram durante o programa, que foram:

1° Agendei Quadras;

2º MUV;

3º Pallets del Norte.

 

destaques do Desafio 2020

Para assistir ao evento completo acesse o link https://www.youtube.com/watch?v=SIkUBGR3Wlg

 

Como forma de Premiação, esses 3 times receberão do PampaTec uma ajuda de custos para desenvolvimentos dos seus projetos distribuída em R$ 2.000,00 para o 3º colocado, R$ 3.000,00 para o 2º colocado e R$ 5.000,00 para o 1°. Esse valor total de R$ 10.000,00 foi captado pelo PampaTec junto ao Edital “Valor S” disponibilizado pela cooperativa Sicredi Pampa Gaúcho para incentivo ao Empreendedorismo. Além disso, as equipes do PampaTec e do Sebrae farão a orientação para que as equipes façam a melhor gestão possível do recurso.

Continue lendo

Educação

Em decisão inédita, Conselho Superior da DPE/RS aumenta para 30% o percentual de reservas de vagas para cotistas

Porto Alegre (RS) – Pela primeira vez na história da Instituição, o Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul aumentou de 20% para 30% o percentual de reserva de vagas para candidatos cotistas (negros e índios).

A medida já passa a valer para o próximo concurso de defensores(as) públicos(as), que será aberto nos próximos meses. A decisão do Conselho foi tomada durante sessão ocorrida na última quinta-feira (24).

No encontro, os Conselheiros também decidiram pela exclusão do ponto de corte para cotistas em todas as fases do concurso para carreira.

Foi aprovada ainda a redução da nota mínima de aprovação para classificação na segunda fase do certamente, já que, historicamente nos concursos públicos, é na primeira prova que ocorre o maior parte da reprovação.

O conselho definiu ainda pela exclusão, em todas as fases, da limitação de número de aprovados para os candidatos que concorrerem às vagas destinadas às pessoas com deficiência, aos negros e aos indígenas. Além disso, foi aprovada a Inclusão dos Direitos das Famílias como disciplina específica dentre as matérias da Primeira Fase do Concurso.

Participaram da sessão: Rafaela Consalter (Presidente em exercício), Alexandre Brandão Rodrigues (Subdefensor Institucional em exercício), Aline Corrêa Lovatto, Marcelo Bartmann de Oliveira, Neusa Maria Albrecht, Alessandro Genaro Soares Lema, Marcelo Martins Piton, Walter Luchese Willig, Daniel Vargas de Farias (Ouvidor-Geral) e Juliana Coelho de Lavigne (presidente da Adpergs).

A reunião teve ainda a participação de Alcindo Strelow (Presidente da Comissão do VI Concurso de Defensor) e Gizane Mendina Rodrigues (integrante do Grupo de Trabalho Permanente para Elaboração de Políticas de Combate à Discriminação Étnico-Racial).

POR FELIPE DAROIT – ASCOM DPE/RS

Continue lendo

Educação

Volta às aulas presenciais no RS à partir de terça-feira

Cronograma apresentado tem datas diferentes para a retomada facultativa das atividades conforme as idades dos estudantes

O decreto tão esperado pela comunidade escolar e municípios sobre a retomada das aulas presenciais no Rio Grande do Sul foi publicado pelo governo gaúcho. O texto oficializa o cronograma que o governador Eduardo Leite e o secretário estadual da Educação, Faisal Karam, haviam apresentado no último dia 1º de setembro. Com isso, o retorno gradual das aulas em solo gaúcho está permitido a partir da próxima terça-feira, dia 8 de setembro.

A publicação do decreto de número 55.465 estava prevista para sexta-feira, dia 4, o que acabou não se confirmando. O texto que estava sob análise da Procuradoria-Geral do Estado do Rio Grande do Sul (PGE-RS) foi publicado no início da noite deste sábado, dia 5.

Agora, com o decreto, os municípios e as instituições e estabelecimentos de ensino podem optar pelo retorno ou não das atividades presenciais, seguindo o calendário estabelecido pelo Palácio Piratini. As atividades presenciais só podem ser retomadas em regiões que não estejam classificadas com a bandeira final vermelha ou preta. O cronograma é detalhado no artigo 4º do texto e estabelece as seguintes datas:

I – Ensino infantil: 08 de setembro de 2020;
II – Ensino Superior e Ensino Médio: 21 de setembro de 2020;
III – Ensino Fundamental/anos finais: 28 de outubro de 2020; e
IV – Ensino Fundamental/anos iniciais: 12 de novembro de 2020.
O decreto 55.465 veda, ainda, em qualquer circunstância, a realização de atividades coletivas que envolvam aglomeração ou contato físico nas instituições de ensino. E permite a adoção de modelo híbrido de ensino nas instituições públicas e privadas que optarem por realizar atividades presenciais nos termos do decreto. Além disso, relaciona a volta, facultativa, da realização de atividades presenciais de ensino, de apoio pedagógico ou de cuidados a crianças e a adolescentes desde que preenchidos todos os requisitos estabelecidos no decreto e em portaria conjunta da Secretaria Estadual da Saúde e da Secretaria Estadual da Educação

Por JornalNH

Continue lendo

Popular