Contato

Negócios

Arnaldo Paz afirma que Alegrete mais emprega do que desemprega


O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego foi criado como registro permanente de admissões e dispensa de empregados sob o regime da CLT. É utilizado pelo Programa Seguro-Desemprego para conferir os dados referentes aos vínculos trabalhistas, além de outros programas sociais.

Os números relativos a Alegrete demonstram mais contratações do que dispensas. Segundo o Caged, entre abril de 2015 e abril de 2016 o número total de demissões foi de 4.042, enquanto que o de assinatura de carteiras de trabalho foi de 4.259, um saldo positivo de 217 vagas. Os destaques ficam para a indústria de transformação, com variação positiva de 23,4%, e agropecuária, com 2,33%. No sentido inverso ficam a construção civil (- 9,47%) e o comércio (- 2,77%).

Segundo o secretário Arnaldo Paz Filho, de Desenvolvimento Econômico, Inovação, Ciência e Tecnologia, a análise de um dado isolado, como pedidos de seguro-desemprego ou de admissões, não diz nada sobre o contexto. “Estes são dados oficiais, analisados por setor econômico, publicados mensalmente pelo ministério e analisados na sua amplitude, que nos mostram a realidade em Alegrete. De fato o comércio e a construção civil tiveram queda, mas a indústria e os serviços absorveram a diferença, garantindo uma variação positiva, o que difere do caos que se tenta anunciar”, avalia.

O dados na íntegra podem ser acessados em: http://www.mtps.gov.br/trabalhador-caged

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Em Campo

Abertura da Colheita do arroz é atingida por temporal

A Federarroz comunica a todos que houve uma intempérie climática com ventos de mais de 100Km/h e 90 mm de chuva no dia 10.02 no início da tarde, durante a 31ª. Abertura Oficial da Colheita do Arroz e Grãos em Terras Baixas, ocasionando o cancelamento da programação de Auditório Frederico Costa e a Premiação Pá do Arroz nessa data.


Graças ao comprometimento da organização do evento, expositores e apoio da comunidade de Capão do Leão e Pelotas, está sendo possível reconstruir as estruturas danificadas da Feira para reabertura no dia 11.02, quinta-feira.
Somente as visitações às Vitrines Tecnológicas é que não serão viabilizadas no dia 11.02 pela manhã.


Se as condições climáticas permitirem, o Ato da Abertura Oficial está programada para ocorrer normalmente a partir das 14 horas.

Continue lendo

Manchete

Junta Comercial prorroga por mais 60 dias a suspensão temporária das taxas de abertura de empresas

A presidente da Junta Comercial, Industrial e Serviços do Rio Grande do Sul – JucisRS -, Lauren de Vargas Momback, anunciou na manhã desta segunda-feira (25),  que irá suspender temporariamente por mais 60 dias a cobrança dos serviços para abertura de empresas a contar do dia 24/1 até 24/3/2021.

A decisão foi tomada conforme Resolução aprovada na  Sessão Plenária  desta segunda-feira (25) pelo Colégio de Vogais. Com esta medida, a ideia é beneficiar milhares de micro e pequenos empreendedores do RS.
Segundo Lauren, a prorrogação da isenção das taxas para abertura de empresas têm como objetivo incentivar o empreendedor a abrir seu próprio  negócio.

Ela destaca que o órgão de registro está aliado ao compromisso do governo estadual em  contribuir para o crescimento da economia do nosso estado.
A iniciativa, segundo Lauren, irá fazer com que mais empreendedores tenham a possibilidade de saírem da informalidade, gerando empregos e renda.

Ela lembra que desde o início da Pandemia da Covid-19, o número de abertura de empresas no RS teve um aumento de 5,1%. Em 2020, foram constituídas 196,3 mil empresas, em 2019, foram 186,7 mil.  “Acreditamos que com a prorrogação de mais 60 dias, teremos um percentual maior de novas empresas no RS”.  

Uma das  metas da Junta Comercial, segundo Lauren, é promover ações que auxiliem os micro e pequenos empreendedores a enfrentar a crise provocada pela Pandemia, finaliza.

Conforme Resolução estão suspensas as taxas de abertura de empresas para as seguintes naturezas jurídicas:
• Limitada (Ltda.)
• Empresário Individual por Responsabilidade Limitada (Eireli)
• Empresário Individual (EI)
• Sociedade Cooperativa

Continue lendo

Cidade

Prefeitura Municipal lança edital para concessão do Quiosque da Praça Getúlio Vargas

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Administração – Diretoria de Suprimentos e Gestão de Materiais, tornou público o edital de licitação, na modalidade de pregão, referente a concessão do Quiosque, localizado na Praça Getúlio Vargas de Alegrete.

O pregão presencial está previsto para o dia 05/02, a partir das 10h com o credenciamento, na Divisão de Abastecimento da Prefeitura Municipal. A abertura da sessão está prevista para às 11h.

As informações e documentações necessárias para participar do processo licitatório estão dispostos no site da prefeitura. Para baixar o edital, basta seguir o passo a passo:

1) Acesse o site da prefeitura www.alegrete.rs.gov.br;
2) Clique no link “LICITAÇÕES”;
3) Acesse o link do documento “concessão de uso do Quiosque da Praça Getúlio Vargas”;
4) Clicar no link “Edital de Abertura”;
5) Ao abrir a aba, preencha os dados necessários. Ao finalizar clique em “enviar”;
6) Após será aberta uma nova guia disponibilizando o edital para baixar.

O Contrato prevê a concessão de 5 anos (60 meses), com o valor mínimo de R$ 4.500,00, podendo ser estendida por mais cinco, totalizando 10 anos (120 meses).

Assim que for emitido o edital pela internet, é necessário preencher o “recibo de retirada de edital pela internet” e enviar pelo fax (55) 3961-1684 ou [email protected]

Continue lendo

Ler edição online

Facebook

Previsão do tempo

 

 

Popular