Contato

Corona Vírus

Prefeitura poderá comprar vacina contra Covid-19

A Prefeitura de Alegrete poderá comprar vacinas com eficácia comprovada contra a Covid-19 para imunizar a população alegretense, caso o Governo Federal não disponibilize as doses necessárias em um prazo aceitável. Os recursos estão garantidos conforme o Prefeito em exercício Jesse Trindade.
A expectativa do Município é que o Governo Federal adquira e distribua as doses com maior celeridade por meio do Programa Nacional de Imunizações, de acordo com critérios técnicos. No entanto, caso a União não siga por este caminho, a prefeitura buscará vacinas certificadas e validadas para atender a população, prioritariamente os grupos de risco.
Além da garantia dos recursos orçamentários, Alegrete está preparada e tem capacidade operacional para aplicar as doses.
A gestão municipal estuda alternativas legais na busca pela vacina contra a Covid-19. “Se o Ministério da Saúde não fizer a distribuição necessária e nos prazos indicados, Alegrete vai lutar para comprar a vacina diretamente”, afirma o Prefeito em exercício.
Segundo Jesse, a imunização é um dos assuntos prioritários para a Prefeitura, e, de acordo com o Prefeito em exercício, a questão é tratada por meio de dois eixos específicos, sendo um deles o diálogo com o Governo Federal e o Plano Nacional de Imunização (PNI). “Cabe ao Ministério da Saúde a aquisição e distribuição das vacinas. Isso é o normal e é o que é certo. Mas a gente não pode apenas aguardar que isso aconteça, porque, se o ministério simplesmente desejar não fazer, eu não vou achar que isso é normal o prefeito Márcio determinou que pretende dar início ao plano próprio”, declarou.
O plano, segundo a secretária de Saúde, Haracelli Fontoura, prevê a logística, infraestrutura e aquisição dos insumos necessários. “ O que a gente não pode aceitar é vacinação em conta-gotas. As coisas estão muito lentas e os municípios estão amarrados a um plano que precisa ser mais eficiente”, destacou.
De acordo com o secretário de Finanças, José Luiz Cáurio, a cidade tem recursos financeiros para custear o processo de imunização. “Nós temos condições para bancar isso, mas é claro que precisamos de meios legais”, afirmou.

Continue lendo
Publicidade
Comentários

Corona Vírus

Um óbito registrado nesta quinta feira

Nesta quinta-feira (13) foram registrados 31 casos positivos, 21 mulheres e 10 homens, com idades entre 01 ano e 78 anos. Também foram registrados 16 recuperados. Hoje foi registrado o óbito de um homem de 45 anos.
Há 10 pacientes na UTI Covid, sendo 08 confirmados.
No Hospital de Campanha há 14 pacientes, 08 confirmados. A UTI Covid possui 15 leitos, dessa forma há 05 leitos disponíveis.
No Hospital de Campanha há 16 leitos disponíveis. Na UTI não-covid há 08 leitos, os 08 estão ocupados.
Atualmente são 9.635 casos confirmados, com 9.254 recuperados, 165 ativos (150 estão ativos em isolamento domiciliar e 15 hospitalizados positivos de Alegrete) e 216 óbitos.
Foram realizados 30.330 testes, sendo 20.506 negativos, 9.635 positivos e 169 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 719 pessoas.
Continue lendo

Corona Vírus

Dias mais estáveis. Um óbito nesta quarta-feira

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Nesta quarta-feira (12) foram registrados 29 casos positivos, 12 mulheres e 17 homens, com idades entre 17 e 68 anos. Também foram registrados 11 recuperados. Hoje foi registrado o óbito de uma mulher de 62 anos.

Há 09 pacientes na UTI Covid, sendo 06 confirmados. No Hospital de Campanha há 12 pacientes, 07 confirmados. A UTI Covid possui 15 leitos, dessa forma há 06 leitos disponíveis. No Hospital de Campanha há 18 leitos disponíveis. Na UTI não-covid há 08 leitos, os 08 estão ocupados.

Atualmente são 9.604 casos confirmados, com 9.238 recuperados, 151 ativos (141 estão ativos em isolamento domiciliar e 10 hospitalizados positivos de Alegrete) e 215 óbitos.

Foram realizados 30.174 testes, sendo 20.445 negativos, 9.604 positivos e 125 aguardando resultado. Em observação com síndrome gripal são 621 pessoas.

Continue lendo

Corona Vírus

Pessoas com 33 anos ou mais com comorbidades receberão vacina nesta quinta feira

Bom dia! Ampliamos a faixa etária para aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 para pessoas com comorbidades, passando a imunizar a partir desta quinta-feira, 13, a partir da 8h, pessoas com 33 anos ou mais.
A vacinação ocorre em todas as UBSs com sala de vacinação.
Não haverá drive thru.
Pessoas com as seguintes comorbidades podem se vacinar:
– Diabetes
– Pneumopatias crônicas graves (ex.: asma)
– Hipertensão arterial
– Doenças cardiovasculares (ex.: insuficiência cardíaca, hipertensão pulmonar, síndromes coronarianas, arritmias cardíacas, cardiopatias congênitas, dispositivos cardíacos implantados)
– Doença cerebrovascular (ex.: AVC)
– Doença renal crônica
– Imunossuprimidos (ex.: transplantados, pessoas com HIV, pacientes oncológicos)
– Hemoglobinopatias graves
– Obesidade mórbida
– Cirrose Hepática
A imunização continua para pessoas com deficiência cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), pessoas com Síndrome de Down, pessoas com 60 anos ou mais, profissionais de saúde, trabalhadores de apoio aos serviços de saúde acima de 18 anos que ainda não receberam a primeira dose da vacina e pessoas com HIV/Aids.
Gestantes e puérperas – Em virtude de nota divulgada pela Anvisa sugerindo que deve ser evitada a vacinação de gestantes com a vacina Astrazeneca/Oxford, a SMS suspendeu a imunização de gestantes e puérperas com esta vacina até segunda ordem.
Documentos:
No momento da vacinação, é necessário apresentar documento de identidade com foto. Pessoas com comorbidades devem apresentar ainda original e cópia de um dos seguintes documentos: laudo médico, atestado, prescrição de medicamento ou exame.
Continue lendo

Ler edição online

Facebook

Previsão do tempo

 

 

Popular