Contato

Manchete

A polêmica abordagem de Federais em trailler de Alegrete

Reportagem especial da Edição impressa do jornal Em Questão/quinta-feira
Agentes da PF fazem abordagem estranha contra oficial do EB. Caso acontecido no amanhecer de domingo expõe um viés perigoso de quem tem poder, arma e repressão institucional
 
 
 
 
 
 
 
Uma abordagem de dois Policiais Federais, num trailler na Praça Nova, neste final de semana viralizou nas redes sociais, pela forma intempestiva como ocorreu. O vídeo produzido anonimamente a cerca de 10 metros do local onde aconteceu o fato, mostra um homem com revólver em punho, gritando exasperadamente contra outro, de forma acintosa e exibicionista.
 
 
Com gritos de “mão na cabeça”, “vira de costas caralho”, CALA TUA BOCA RAPAZ, “mão na cabeça…”não interessa, ESTÁ TE EXIBINDO”, um aspirante do Exército foi tremendamente constrangido, intimidado e sofreu uma abordagem ostensiva, apesar de ter entregado os documentos, mostrado o porte de arma e tentado explicar para os dois policiais a sua situação.
O destempero de um dos policiais é assombroso. Um segundo policial diz que o militar, que está com as mãos na cabeça é quem está intimidando as pessoas com seu revólver, apesar dele, o policial estar empunhando a arma e com os documentos do oficial nas mãos.
 
 
As imagens logo se tornaram um viral loop. A gravação teria registrado a parte mais tensa do fato. Conforme outros relatos apócrifos que estão circulando nas redes sociais, o aspirante do Exército, chegou ao local para pegar um lanche e o volume do revólver teria feito os dois policiais federais reagirem. Um deles é de Alegrete e estaria na cidade visitando familiares, sendo o que age de forma arbitrária e constrangedora.
No vídeo é nítico que ele tripudia sobre a vítima, e ainda tenta imputar ao oficial exatamente o que ele faz: acusa-o de constranger pessoas.
 
 
VERSÃO DO FEDERAL – A BM foi chamada ao local. Viu os documentos, o porte, e levou as partes até a DPPA. O Boletim de Ocorrência registrado pelo policial federal, conta uma história diversa do que mostra o vídeo. No B.O registrado pelo Policial Federal consta que o oficial chegou ao trailler intimidando as pessoas, com um revólver na cintura e dizendo que estava armado porque naquela semana enterrara um colega. Que teria olhado para as pessoas perguntando se havia algum problema.
Que as pessoas ficaram intimidadas com o olhar do oficial e que ele seu colega aproveitaram um momento de distração do suposto malfeitor e agiram com firmeza conforme é uma abordagem policial. Que tentou identificar o homem, mas este estaria bêbado, não obedecia os comandos e agia de forma inoportuna. Mais: que o oficial, que no vídeo mantém a calma todo o tempo, estaria caminhando de forma cambaleante e bêbado, e, que talvez por isso, tenha dificultado a ação dele e de seu colega durante a abordagem.
 
 
O OFICIAL DO EXÉRCITO- A versão dele fecha com o que é revelado no vídeo. Ele disse que chegou ao local, estava com uma pistola 380 milímetros na cintura, devidamente registrada, quando de repente foi abordado por dois homens que aos gritos disseram ser da policiais federais. Que foi obrigado, aos gritos, colocar a mão na cabeça, foi chutado e abordado de forma agressiva.
Que os homens perguntavam porque ele estava armado e se era policial…Ele disse que o policial mais velho retirou a arma de sua cintura, e mesmo se identificando a abordagem continuou sendo feita de forma agressiva, “fazendo chacota e a zombar” pelo fato de se identificar como militar da ativa. O tom de escárnio sobre a condição da vítima ser militar fica evidente no vídeo, que será anexado aos demais documentos à Polícia Civil.
 
O Oficial é instrutor de tiro, treina grupos da polícia pelo Brasil afora, desceu no trailler para pegar um lanche. Os fatos serão apurados em Sindicância Interna e o relatório do Exército, na 2ª Brigada, será encaminhado para a Superintendência da Polícia Federal, com as informações preliminares. Inclusive, setores da inteligência já estariam de posse de informações de algo semelhante acontecido naquela noite, envolvendo os suspeitos e seguranças de uma boate da cidade.
Continue lendo
Publicidade
Comentários

Manchete

Porto Alegre poderá ter wi-fi grátis em praças e parques

 

A vereadora Mônica Leal (PP/RS) protocolou, nesta terça-feira, 1º, um projeto indicativo à Prefeitura Municipal onde recomenda que seja instituído o programa “Wi-Fi Comunitário” em praças, parques e pontos turísticos do município de Porto Alegre.

Segundo ela, isso se daria por intermédio de convênios e parcerias público-privadas, os quais disponibilizariam sinal público de internet, em locais com viabilidade para instalação, cabendo à inciativa privada a instalação e manutenção dos equipamentos. A contrapartida seria a possibilidade de colocação de propagandas nos locais beneficiados.

Para a vereadora Mônica Leal, a internet, hoje, é uma ferramenta indispensável. “A disponibilização desse serviço poderá ainda, incentivar a valorização dos espaços públicos, tornando-os mais atrativos. Sem dúvida, a implementação do serviço de Wi-Fi gratuito irá trazer benefícios para Porto Alegre”, disse.

O programa Wi-Fi Comunitário possibilitará o acesso à internet WiFi através de celular, smartphone, tablete, notebook e demais aparelhos que possuam dispositivos com o padrão de conexão à internet.

“Assim, o projeto tem a finalidade de sugerir a implementação de uma política pública de acesso à inclusão digital na democratização da informação, no acesso à cultura e como ferramenta educacional, tarefa tão desafiadora e essencial à população”, concluiu a vereadora.

Continue lendo

Manchete

Prefeitura dispõe de prédio gratuíto para empreendedores

 

✅ A Prefeitura de Alegrete tornou público o processo seletivo para o ingresso de empreendimentos no Centro de Formação e Apoio Empresarial (Antigo Berçário).

 

Empresas ou pessoas físicas que tenham uma ideia de negócio e que precisem de local para iniciar a empreender podem participar. Mas se você também precisa de espaço para alavancar o seu negócio que já existe, esta também é uma oportunidade. A proposta é oferecer 12 meses de ocupação gratuita, sem aluguel.

‼️ Vencido este prazo, poderá o usuário requerer novo período de ocupação, não superior a 12 (doze) meses, quando pagará agora, como locação, uma taxa de 30%, equivalente a aluguel de mercado.

⚠Os empreendimentos serão selecionados, através de avaliação do plano de negócio, os melhores colocados poderão ocupar um dos 07 box desocupados de 53m². O Centro de Formação e Apoio Empresarial, disponibiliza uma estrutura composta de 09 (nove) módulos, cada um medindo 53 m², localizados na rua Vereador Ézio Marchisio, nº 260, Bairro Ruy Ramos.

👏As inscrições são até o dia 19/07.

👉 Mais informações sobre o edital e como realizar sua inscrição você confere aqui: https://bit.ly/2SQX1zB

Continue lendo

Manchete

Jovem médica alegretense morre em acidente na 290

 

Alegrete entrou em choque. No início da noite desta sexta-feira, foi noticiada a morte da filha do Dr. Décio Sampaio Peres, a pediatra Larissa Sampaio, 31 anos, em acidente acontecido próximo à Cachoeira do Sul.

Ela vinha para Alegrete juntamente com a irmã Luciana e outra amiga, também médica.

Segundo o relato feito pelo site fatos 24h, “as vítimas foram conduzidas para o Hospital de Caridade e Beneficência (HCB).

A colisão frontal ocorreu entre uma Honda XRV branca de Porto Alegre e um caminhão. O veículo trafegava sentido Capital/Fronteira quando, ao tentar ultrapassagem em uma subida, colidiu de frente com o caminhão.

As três tripulantes do Honda receberam atendimento do Corpo de Bombeiros de Cachoeira do Sul, que deslocou um caminhão e uma ambulância de resgate ao local e uma ambulância do SAMU.

As três foram encaminhadas para atendimento no HCB e infelizmente, uma não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O motorista do caminhão não sofreu nenhum ferimento”.

O EQ neste momento de dor se solidariza com a família e amigos da jovem pediatra, ao mesmo tempo que externa os sentimentos diante de tão prematura partida da dra. Larissa.

 
 

 

Continue lendo

Ler edição online

Facebook

Previsão do tempo

 

 

Popular