Jovem é executado com três tiros

 

O jovem Quetner Lima Menezes, de 20 anos, (foto ao lado) foi abatido a tiros, por volta da 1h30min desta madrugada, dentro do conjunto habitacional João XXIII, na Cidade Alta. O fato chocou os moradores devido aos tiros num local sempre muito seguro. A vítima levou três tiros à queima roupa. O assassino, Juliano Ferreira Orguissa, é o filho do porteiro do condomínio.

Segundo foi apurado pela Polícia Civil, a vítima era moradora do condomínio e saiu de bicicleta para ir até um bar 24hs para comprar cerveja. Na saída do condomínio teria discutido com o porteiro, por motivo banal. Quetner foi ao bar e ao saber da discussão o filho do porteiro foi atrás de moto.

Quando a vítima estava comprando as tais cervejas, Juliano Ferreira, o autor, chegou perguntando quem era o morador do João XXIII. Quetner sequer conhecia Juliano que seguiu lhe agredindo com um capacete, mas Quetner reagiu e brigaram no local. Depois disto Juliano saiu e esperou a vítima retornar.

Quando o morador chegou ao condomínio, Juliano já o esperava armado, perto da portaria e lhe desferiu três tiros. A Polícia Civil foi ao local e iniciou as buscas. O corpo da vítima ficou no local durante toda a madrugada. A equipe da Perícia de Santana do Livramento só chegou à cidade depois das 6hs.

O Setor de Investigação da Polícia Civil, já levantou a ficha do autor, que já cometera anteriormente, em outra cidade, dois homicídios.

foto: facebook de Rafael J.Paula

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *