Mais de 2.000 pessoas estão fora de suas casas em Alegrete

Cerca de 200 pessoas estão trabalhando voluntariamente no auxílio às pessoas que estão desabrigadas devido a enchente no município de Alegrete.

DSCF8338
Nesta sexta-feira, 14 abril, o trabalho foi intenso durante a madrugada para a remoção das famílias e se estendeu ao longo do dia. No final desta noite, após avaliação de planilhas e compilação de dados das equipes de monitoramento, 2 mil e 100 pessoas foram afetadas.

DSCF8371
Deste número 500 pessoas estão desabrigadas, ou seja, estão em locais destinados pelo município que são o Ginásio Osvaldo Aranha, a Escola Eurípedes Brasil Milano e o IRMA, localizado na Vila Nova e 1 mil 600 pessoas desalojadas, onde foram deslocadas, por sua vontade, para as casas de familiares, amigos, igrejas ou optaram por ficar em barracas.

DSCF8372
Para este auxílio a equipe da Defesa Civil conta com 8 (oito) caminhões e 10 (dez) carros utilitários da Prefeitura Municipal, 10 (dez) caminhões das Unidades do Exército e 2 (duas) embarcações, num efetivo de 57 militares, divididos em onze equipes e o Centro de Operações. Os bairros mais afetados são: Macedo, Vila Nova, Santo Antônio, Vila Isabel, Canudos, Promorar, Ibirapuitã, Medianeira e São João.

DSCF8361

Ainda nesta tarde de sexta-feira, uma equipe também fez o mapeamento das pessoas afetadas, via embarcação de voluntário e quantificou cerca de 500 casas submersas. Em metade destas residências, os moradores aguardam que o rio baixe o seu nível e optam, por sua própria vontade, permanecer no local.

DSCF8369

Por outro lado, a equipe da alimentação, nestes dois dias de intenso trabalho, forneceu 1 mil refeições ao dia (café, almoço e jantar) aos afetados.

No final desta tarde, a coordenação da Defesa Civil local e regional reuniu o grupo para avaliação do trabalho e alinhamento de dados e estratégias. Amanhã, 15, todas as equipes devem manter seu ritmo de trabalho e de prontidão, pois o Rio Ibirapuitã, com dados das 21h24 se encontra com 11m 49cm.

DSC_4903

Estavam presentes na reunião a Prefeita Cleni Paz da Silva, juntamente com o Vice Prefeito Márcio Fonseca do Amaral, o comandante da guarnição, Coronel Luís Sérgio da Costa Souto, Oficiais, Secretários, Diretores, funcionários e voluntários.

DSC_4891
A Defesa Civil segue solicitando o apoio de voluntários e também de alimentos não perecíveis que podem ser deixados na Central de Arrecadação, localizada na Prefeitura Municipal – Palácio Ruy Ramos, na Praça Getúlio Vargas.

DPCOM-PMAlegrete

Fotos : Pedro Mello / Em Questão

 

 

 

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *